sexta-feira, 3 de março de 2017

Desabafo.

              Já preparei vários discursos, enchi páginas e páginas de lamentações, reclamações e DRs que a ninguém interessa, na tentativa vã de me curar do amor que ainda resta. Sozinha aqui, tento mais uma vez exorcizar meus demônios e seguir sorrindo, o telefone não toca, mensagens que não chegam e tenho que admitir ele não me amava como eu acreditava.
             SOS.... Tem que passar logo, não aguento mais esta masturbação mental, chega de remoer ,tenho que trabalhar... Enfim, talvez ainda dure, mais passa, tudo passa e que a vida seja mais leve e que o grande amor da minha vida seja o próximo.... 

Nenhum comentário: